Testosterona faz crescer barba
Share on facebook
Share on pinterest
Share on twitter
Share on whatsapp

Testosterona Faz Crescer Barba e Cabelo?​

Testosterona Faz Crescer Barba e Cabelo?

É de conhecimento popular que a testosterona faz crescer não só pelos como músculos, tanto em homem quanto mulher.

Também é de conhecimento público que a testosterona é um hormônio produzido pelos homens e tem inúmeras funções no corpo masculino.

No entanto, ainda surgem algumas dúvidas a respeito deste hormônio.

Homem com níveis equilibrados de testosterona

 Nem todos sabem muito bem o que ele é especificamente, nem o que acontece quando há uma sobrecarga ou falta dele no organismo.

Muitas pessoas também não sabem quando esse hormônio dá indícios de que tá baixo ou alto.

Ainda há muito o que se falar sobre a testosterona e seus efeitos no corpo. Sendo assim, preparamos este artigo contando um pouco mais sobre essas dúvidas e esclarecendo-as um pouco.

Então, se ficou curioso e quer saber mais sobre o assunto, continue lendo.

O Que É A Testosterona?

A testosterona é produzida naturalmente em nosso corpo a partir do hormônio dhea , porém, é encontrada em maior quantidade no organismo masculino, no qual é feito nas células de Leydig, nos testículos.

O homem apresenta cerca de trinta vezes mais testosterona que a mulher.

Ele é o principal hormônio ligado ao ganho de massa muscular e a diminuição da gordura corporal.

A testosterona estimula também o metabolismo que faz com que o corpo use a gordura acumulada como fonte de energia.

De forma contrária, a perda de massa muscular está associada a deficiência desse hormônio, assim como a falta de outras questões como a indisposição.

A testosterona no homem tem como principal característica o crescimento da barba, engrossamento da voz e a fertilidade masculina.

O Que Acontece Quando Tem Muita Ou Pouca Testosterona No Organismo?

Após os 50 anos, é comum haver diminuição na produção de testosterona, sendo assim, caracterizada como andropausa, semelhante a menopausa das mulheres.

No entanto, a diminuição da produção de testosterona no homem, não significa a sua infertilidade, mas sim que sua capacidade de se reproduzir pode ter diminuído.

Quando há excessos desse hormônio, o corpo costuma responder de uma forma.

Então quando há diferenças gritantes na alteração do humor e na agressividade, saiba que é um sinal de excesso de testosterona.

Pois ela também atua no sistema nervoso e quando se encontra em alta, ela deixa o homem mais agressivo.

O excesso da testosterona também faz os pelos crescerem. Veremos isso um pouco mais a frente.

Ela também influencia no aumento de massa muscular, pois interfere diretamente no músculo.

Outra coisa que o excesso de testosterona faz é a atrofiação dos testículos. Se a testosterona baixa provoca a diminuição do desejo sexual, o excesso pode atrofiar os testículos e pode chegar a causar infertilidade e impotência.

Outros aspectos como pressão alta, aumento dos níveis de colesterol, aumento da mama, apneia do sono e outros distúrbios do sono, são indícios que o hormônio pode estar em excesso.

Quando há pouca testosterona no organismo, os órgãos que são estimulados por esse hormônio têm sua resposta reduzida, trazendo algumas mudanças no corpo.

No entanto, a testosterona baixa pode ser devido ao envelhecimento natural do corpo. Geralmente a baixa costuma acontecer com homens com mais de 40 anos.

Alguns sinais que indicam que o corpo está com baixo hormônio são:

  • diminuição da libido (desejo sexual),
  • dificuldades de ereção,
  • perda de massa muscular e, consequentemente, diminuição da força muscular,
  • rarefação de pelos,
  • instabilidade emocional,
  • distúrbios de sono,
  • menor concentração,
  • aumento de gordura e,
  • dores ósseas.
Níveis de testosterona por idade

Exame Que Mede A Testosterona

Os exames que indicam a quantidade de testosterona no corpo são pouco específicos e nem sempre são confiáveis porque seus valores alteram-se constantemente de acordo com inúmeros fatores.

A idade, etnia, hábitos de vida, alimentação, prática de atividades físicas, ou sedentarismo, tudo isso contribui para que os valores mudem.

Normalmente nos exames de medição do hormônio masculino, são solicitadas a dosagem da testosterona livre e da testosterona total.

A testosterona livre representa a concentração de testosterona que está disponível no organismo.

Ela pode ser absorvida para que exerça sua função no organismo e corresponde de 2 a 3% da testosterona total que é toda a quantidade de testosterona produzida pelo organismo. Ou seja, a testosterona livre e a testosterona que está ligada a proteínas.

Os valores normais de testosterona total no sangue são:

  • Homens: 241 – 827 ng/dL
  • Mulheres: 14 – 76 ng/dL

Em relação aos valores de referência da testosterona livre no sangue, além de variar de acordo com o laboratório, variam de acordo com a idade e fase do ciclo menstrual, no caso nas mulheres:

  • Homens
    • Até 17 anos: Valor de referência não estabelecido;
    • Entre 17 e 40 anos: 3 – 25 ng/dL
    • Entre 41 e 60 anos: 2,7 – 18 ng/dL
    • Acima de 60 anos: 1,9 – 19 ng/dL
  • Mulheres
    • Fase folicular do ciclo menstrual: 0,2 – 1,7 ng/dL
    • Meio do ciclo: 0,3 – 2,3 ng/dL
    • Fase lútea: 0,17 – 1,9 ng/dL
    • Pós menopausa: 0,2 – 2,06 ng/dL

A testosterona pode estar aumentada em caso de puberdade precoce, hiperplasia adrenal, cirrose, hipertireoidismo, uso de remédios para convulsão, entre outros.

Porém a testosterona pode estar diminuída em casos de hipogonadismo, retirada dos testículos, síndrome de Klinefelter, uremia, hemodiálise, insuficiência hepática, consumo exagerado de álcool por homens e uso de remédios como digoxina, espironolactona e acarbose.

A Testosterona Faz Crescer Ou Cair Cabelo?

É interessante notar que a circulação do hormônio testosterona também é responsável por concentrar o crescimento de cabelos, barba (ou de pelos) em determinadas áreas do corpo, como no peito, nas costas e pelos pubianos.

Por outro lado, o DHT (Di-hidrotestosterona), hormônio formado a partir da testosterona é limita o aparecimento em outros lugares, como no couro cabeludo.

No caso dos cabelos, a testosterona chega até os folículos capilares passando pelas papilas dérmicas do couro cabeludo.

Quando esse hormônio chega a este local, ele pode ajudar ou atrapalhar os folículos a fazerem os cabelos crescerem com suas características como cor, espessura e tamanho.

No entanto, a falta do hormônio ou sua má recepção pelas células capilares, causam uma inibição do crescimento dos seus fios.

Testosterona Faz Cair Pelos: O Que Isso Significa?

Significa que a testosterona em excesso não faz o cabelo cair.

queda de cabelo é provocada pelo hormônio di-hidrotestosterona, que é um hormônio obtido pela transformação da testosterona no homem e da androstenediona na mulher.

A produção deste hormônio ocorre nos testículos, próstata, glândulas adrenais e nos folículos capilares.

Indivíduos calvos produzem enzimas no couro cabeludo que potencializam a transformação dele.

Todo o cabelo passa por três fases de crescimento: anágena, catágena e telógena.

Geralmente, são necessários de dois a seis anos para o cabelo passar por esse ciclo trifásico. 

Para homens cujos cabelos da cabeça são mais sensíveis ao DHT, esse ciclo será mais curto, resultando em cabelos mais finos, mais propensos a quebrar e mais propensos a cair mais rapidamente

Agora, seus folículos capilares encolhem naturalmente à medida que envelhecem, fazendo com que seus cabelos afinem. Mas pesquisas indicam que altos níveis de DHT aceleram a taxa na qual os folículos encolhem, levando à perda de cabelo.

Testosterona Faz Crescer Barba?

Costuma-se dizer que a genética tem a última palavra quando se trata de crescimento da barba. 
É por isso que alguns homens desenvolvem uma barba grossa e cheia, enquanto outros lutam com uma barba irregular ou sem barba.


Ação do DHT no foliculo piloso

A verdade é que os hormônios responsáveis pelo crescimento da barba são testosterona e Di-hidrotestosterona (DHT) como dissemos acima.

No entanto DHT afeta os cabelos da cabeça e dos pelos faciais de maneira diferente.

Enquanto a testosterona é responsável pela preparação do folículo piloso, o DHT promove o crescimento linear dos pelos faciais.

As barbas precisam que o DHT se desenvolva e alcance todo o seu potencial. Na maioria dos casos, níveis mais baixos ou menor sensibilidade a esse hormônio levam a menos crescimento da barba.

A lógica simples implica que homens com níveis mais altos de testosterona e DHT podem crescer significativamente mais barba do que homens com níveis mais baixos desses hormônios.

Então, se os folículos capilares são mais sensíveis a esses hormônios, é provável que sua barba se desenvolva mais cedo.

Isso significa que uma barba forte e saudável geralmente anda de mãos dadas com a perda de cabelo na cabeça mais cedo, mas essa não é a regra para todos os homens.

No entanto, níveis mais baixos de testosterona não significam necessariamente que sua barba será sempre irregular, falhada ou que você não será capaz de cultivá-la.

Conclusão

Vimos neste artigo tudo sobre o hormônio da testosterona e suas principais funções. 

Vimos a importância desde hormônio no organismo, tanto no masculino quanto no feminino. 

Falamos também sobre as principais causas de aumento e diminuição da testosterona e porque elas acontecem e quais são suas consequências para o organismo humano. 

Não podemos deixar passar também sobre as funções da testosterona no crescimento dos pelos, barba e cabelo. 

Se este artigo lhe ajudou e esclareceu pontos sobre a testosterona e seus efeitos principalmente sobre o crescimento dos pelos e cabelo, então deixe seu comentário para que a gente saiba e não se esqueça de compartilhar este artigo!  

Compartilhe

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp

Gostou deste conteúdo? Inscreva-se e receba mais artigos como este!

Toda semana enviaremos artigos parecidos como este e você receberá em primeira mão!

Deixe uma resposta

ASSINE NOSSA NEWSLETTER

MAIS LIDOS

O QUE É MINOXIDIL SP?

A Minoxidil SP é uma loja dedicada a vender Minoxidil, produtos para barba, além de suplementos alimentares. Localizada na cidade de São Paulo, atua des…continuar lendo

MAIS ARTIGOS